sábado, 28 de maio de 2011

tanto vazio na saudade
há saudade na saudade  , nem posso descrever
só há S A U D A D E
tanto, e sempre..
  


segunda-feira, 25 de abril de 2011

do outro lado

 o espelho reflete quem eu queria ser, 
mesmo sendo, queria ter
mesmo tendo,queria olhar
mesmo olhando, queria estar
mesmo estando queria sentir
mesmo sentindo queria tocar
mesmo tocando! é frio, ríspido,
escorrem dele o suor da respiração!
boa noite espelho espelho meu existe alguem mais eu do que eu? 
de mil rosas fostes a ultima, se ainda sobreviveres até lá!
teu tudo ainda é nada
não é que não tenhas valor meu bem, é que teu valor não serve para este mundo,
de cores mórbidas,e sorrisos pérfidos
de desalmados malamados!
ego que sucede o erro!
quem poderás dizer que não avisei? 
dorme,e finje que amanhã será diferente, 
finje...
  dormes! 

quarta-feira, 6 de abril de 2011

movie Maker ...

[b] a noite cai serena e silenciosa,sobre as palpebras cansadas da menina moça,
pálpebras endurecidas,pelo sono da lembrança
acorda menina, precisa crescer
sela a tua infância na melhor parte de voce,
e faz dela aviso que gente grande vem por ai...
a rosa dá adeus a mais uma pétala,
e de gole em gole, leva-se assim
como precioso marfim, de beleza querubim
os anos que ficaram,e a memória deu fim...


 a saudade de ser criança!


domingo, 20 de março de 2011

onde começo me acabo, ainda assim sou ninguem !

 Vai menina, abre a janela dentro de voce!
solta o cabelo, pega teus sonhos e vai buscar,
a porta esta aberta e o caminho é longo
se te demoras, te atrasas!


a Vida não espera,
a vidraça está embaçada!
pode ir mais além?
o teu tudo ainda é nada!


se com tuas pernas não podes caminhar
caminha com pensamento
no vento, vai voar,
a a vida não espera
se te demoras te atrasas!


A vidraça está embaçada,
abre a janela dentro de você ,
solta o cabelo, e com o vento vai voar


O caminho é longo
se com tuas pernas não pode caminhar
vai voar
o teu tudo ainda é nada!
pode ir mais além?



sábado, 19 de março de 2011

coragem é a presença do medo com o desejo de seguir em frente!

   

olho para  um lado, depois para outro,
posso sair do armário que o monstro já foi.
Onde mesmo que eu coloquei minha liberdade?
deve estar aqui em algum lugar, 
o medo se faz neblina para que eu veja a coragem....
ficarei aqui por mais 5 minutos...
5 dias,
       5 anos...






JaDe






 

domingo, 27 de fevereiro de 2011











são vermelhas, e por vezes rosas!

roubam sorriso, riso torto,tortura é ficar sem!
enfeitam a vida,enfeitam a morte,sem deixar de serem portanto flor!
flô, frô, foi feita sinal,
assim bonitinha no meu quintal....                            

   


sábado, 26 de fevereiro de 2011

amor que não se mede

amor que não se mede,amor que não se pede!! 
amor que amadureçe!
amor que se recebe tanto ou mais  do que se pode dar!!!! mamãe e papai S2 

a aqueles que perguntarem de mim

digam que eu fui ali ser feliz!!!
 e não irei voltar!
que coloquei nas costas a minha cruz e fui atrás do que é meu e ninguém poderá 
me dar!!
coloquei tudo que aguentaria carregar e esqueci o que pude!! anotei nas mão as iniciais do meu nome e na testa de onde vim!!!
guardei no peito o que sou!!! e o porque vim a este mundo!!!
não sei quem sou, mas sei de quem eu sou! 
E só tenho a certeza que farei a diferença nesse mundo! 


sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

era uma casa muito engraçada, não tinha teto, não tinha nada...

Caneca com café,  e um ferro vermelho,
espelho torto, guarda-roupa que não guarda
barnabé, bartolomeu, romeu , e francisco
e nenhum virou principe ainda...
E as paredes me lembram que ainda não cresci...
chinelos de borboleta, e a janela de casinha de boneca,
não tem cadeira, serve um gole de canseira, ? com 3 travesseiros por favor!!
me encanto neste recanto que canta aos ventos...
a grama  doce, rosê, o vinho verde limão, fazem borbulhar as rosas bolhas!! 
confundem,a fundo meu pensamento cor de menta, senta... que la vem a história!!